Decisão judicial impede a enfermagem de nível médio de Caruaru paralisar suas atividades

Decisão judicial impede a enfermagem de nível médio de Caruaru paralisar suas atividades

1 de abril de 2021 0 Por blogem

Nessa quarta-feira (31/03), o Sindicato Profissional dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem de Pernambuco (SATENPE) recebeu uma notificação impedindo por meio de liminar, em 1ª instância, o ato de greve ou de qualquer paralisação dos trabalhadores da enfermagem de nível médio da rede municipal de saúde de Caruaru, que aconteceria nesta quinta (01/04) por 24h. A decisão foi proferida pelo juiz Rommel Silva Patriota da 1ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Caruaru.

Diante dessa decisão, proferida por um juiz de primeira instância, o sindicato está recorrendo para continuar com o ato de paralisação, assim que for avaliado pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco.

Segundo a categoria, o ato de paralisação foi motivado pela falta de diálogo do Governo Municipal com os trabalhadores, sobretudo, nesse momento de pandemia da Covid-19 onde os profissionais estão expostos à contaminação, sem condições mínimas de segurança, além da falta de valorização da classe.

As principais queixas são: inexistência de isonomia na carga horária acordada (30h semanais), falta do adicional de insalubridade em grau máximo (40%), ausência de segurança nas unidades,e falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), a exemplo da máscara N95.