Pernambucanos defendem Assisão, após comentários de humorista em live do cantor

Pernambucanos defendem Assisão, após comentários de humorista em live do cantor

26 de abril de 2020 10 Por blogem

O Rei do Forró, Mestre Assisão, fez uma live no Youtube, para arrecadar donativos para os necessitados de sua região, e foi destratado pelos comentários do humorista Murilo Couto do The Noite, programa do SBT.

Murilo Couto publicou um vídeo nesse sábado (25) na sua conta pessoal do Instagram, onde faltou com respeito ao cantor, a quem chama de “Assissão” (sem o som do “Z” no final, como se fosse o som do “S”).

Nas redes sociais, o humorista deixa transparecer que não conhece a história de vida e trajetória do artista Assisão, chega a comparar o cantor de Serra Talhada a “um cachorro, mendigo, bêbado e drogado, um verdadeiro zumbi” e, quando em seu infeliz vídeo se refere ao artista dizendo “olhem esse velho”.

Vários pernambucanos estão defendendo o cantor Assisão, nas redes sociais e criticando os comentários do humorista.

Nota de repúdio do deputado estadual Tony Gel:  “Uma produção bizarra, de péssimo gosto, que falta com o mínimo respeito ao artista e à pessoa humana. O fanfarrão “apresentador-comediante” de péssimo gosto, demonstra total ignorância no que concerne à música Regional Nordestina e ao cantor e compositor Assisão. O jovem bizarro e ignorante terá uma vida pela frente para aprender a respeitar e amar. Ele não é obrigado a ter o nosso gosto musical, e nem é obrigado a ouvir a música de Assisão. Mas ele é obrigado, no mínimo por lei, a respeitar a pessoa de Assisão. O filósofo Sócrates nos ensina: “Existe apenas um bem, o saber; e apenas um mal, a ignorância.”

Cantor Jorge de Altinho: “Um infeliz falou do meu querido Assisão. Nascido lá no sertão, que faz meu povo feliz, com seu sotaque raiz, representando o Nordeste, de alegria se veste, pra cantar como um concriz, quem falou dele esquece, que é cego quem não conhece a cultura do seu pais”.

Jornalista Josenildo Santos, Secretário de Cultura e Turismo em Agrestina-PE e diretor de Relações Institucionais da ASTUR-PE:  “Respeito à Assisão, aos nossos artistas e ao nosso povo. Viva à nossa música, viva Pernambuco!”

Cantor Petrúcio Amorim: “O mundo nos ensinando tantas coisas nesse momento. Respeito é o que devemos ter por todos! Assisão, você é grande! Do tamanho do Nordeste, Pernambuco e da força nossa gente! Mexeu com um, mexeu com todos”.

Cantor Benil: “VIVA ASSISÃO – Ah, se esse tal de Murilo Couto soubesse, pelo menos, fazer humor…
Ah, se esse tal de Murilo Couto soubesse dissertar (será que ele sabe o que é isto?) um tiquinho sobre cultura, sobre o que é ser gigante na música brasileira, com música gravada por Elba Ramalho e outros tantos gigantes da MPB.
Ah, se esse tal de ‘humorista’ soubesse escrever ou falar e se expressar pro seu público como Assisão o faz…
Ah, se esse tal de Murilo Couto pudesse chegar a mais de 50 anos de carreira, com dignidade, respeito e carinho do seu público…
CADEIA nesse preconceituoso chamado Murilo Couto! Processo!!!
Ah, se isso tivesse sido falado por uma pessoa sem essa tal de ‘fama’…
A ‘fama’ desse tal de Murilo Couto é efêmera (ele não deve saber o que significa essa palavra), Assisão não tem ‘fama’. Tem é sucesso. Marca, fica registrado na cabeça e no coração do povo”.
Viva Assisão!!!! 👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻
#SomosTodosAssisão”

Jornalista Hérlon Cavalcanti: “Respeite nosso *Assisão* – um gênio da música Nordestina. O nosso queridíssimo forrozeiro *Assisão* é um ícone da música Brasileira. Um Nordestino nascido em Serra talhada na Fazenda São Miguel. Tem mais de *50 anos de carreira. Sua história é rica, bela, dinâmica e encantadora para todos nós. Aí vem um “humorista” sem ética, sem conhecimento Cultural ( pronunciar esse nome dá até ânsia de vômito, ) Murilo Couto agredir verbalmente de Cachorro o nosso grande artista Assisão.

“Conheça um pouco da história de *Assisão* 👇

Assisão já lançou 46 discos e é autor de mais 700 *composições*, suas músicas também fazem sucesso na voz de outros cantores como *Elba Ramalho, Flávio José, Maciel Melo, Trio Nordestino, Zé Ramalho, Alceu Valença, Genival Lacerda, Santana, Flávio Leandro, Joquinha Gonzaga, Os 3 do Nordeste, Amelinha, Petrucio Amorim, Azulão, Dominguinhos, entre outros, além de todos os Trios de Pé de Serra do mundo cantarem suas músicas diariamente*.
Com sua arte, Assisão já vendeu *mais 3 milhões de discos. Murilo da próxima vez que for pronunciar o nome de *Assisão ou de qualquer outro artista Nordestino bata na boca e vá estudar seu Humoristazinho”.

Cantor Maurício Ramalho: “Você tem noção da ofensa que fez a um defensor da cultura popular brasileira? Você procurou a biografia deste cidadão que atende por nome de Franscisco de Assis Nogueira (Assisão)? Não né, claro,vc não entende de cultura, vc não tem cultura. Francisco De Assis Nogueira ou Assisão, como queiram foi um dos que me inspirou a cantar. Mas não saio em defesa do mesmo apenas por isso, é porque não tolero humilhação e em público ainda por cima. Sem contar do profissional que é Assisão, suas músicas embalaram a todos na época e no São João se não tocar Assisão e Luiz Gonzaga, não existe repertório bom. Meu repúdio a vc gozador de meia tigela. No meu entender nem pra circo vc combina, pois lá no circo só tem cultura, repito: Cultura vc não tem, cultura vc não representa. Assisão, desculpe eu ter te marcado meu ídolo. Estou indignado e espero que vc através de sua assessoria processe esse que se denomina comediante. Vc não merece isto Assisão. Pra mim ele feriu a cultura, feriu a classe artística nordestina. Sou seu fã Assisão e me ofendi com esse ato desrespeitoso. Que reaja a nação forrozeira contra esse sujeito”.

NOTA DE REPÚDIO da OAB Caruaru: “Em tempos de pandemia, em que milhares de pessoas estão sofrendo com as consequências do COVID-19, fomenta-se cada vez mais a solidariedade, humanidade e empatia. Em nosso país, por exemplo, constatamos diversos artistas promovendo lives para arrecadar toneladas de alimentos ou contribuições financeiras para serem distribuídas a todos que necessitam. No entanto, na contramão do espírito humanitário, o comediante Murilo Couto promoveu recentemente em seu canal no YouTube, uma live para emitir palavras preconceituosas contra o grande artista nascido em Serra Talhada/PE, Francisco de Assis Nogueira, mais conhecido por Assisão, que possui uma trajetória de sucesso e de respeito na música nordestina. Aqueles que ultrapassam os limites da liberdade da expressão devem ser responsabilizados e penalizados. A OAB Caruaru rechaça qualquer tipo de comentário preconceituoso e se solidariza com o cantor, familiares, fãs e nordestinos”.

NOTA DE REPÚDIO

A Associação dos Secretários de Turismo de Pernambuco – ASTUR/PE repudia veementemente as palavras preconceituosas e cruéis do pseudocomediante, Murilo Couto, o qual recentemente fez uma live para emitir palavras deselegantes contra o artista Francisco de Assis Nogueira, conhecido por Assisão, 78 anos de idade, quando fazia uma live para arrecadar doações para as pessoas prejudicadas pela pandemia do Covid 19. Assisão é natural de Serra Talhada/PE e apresenta uma trajetória de 59 anos de carreira com sucesso e respeito na música nordestina e brasileira, além de possuir 19 discos gravados e 3 milhões de cópias vendidas. Os que não possuem noção dos limites da liberdade da expressão devem e merecem ser responsabilizados, além de penalizados.

A Associação dos Secretários de Turismo de Pernambuco – ASTUR/PE, que possui 30 anos de atuação na valorização da cultura e na promoção do turismo do Estado de Pernambuco, repudia e abomina qualquer tipo de comentário preconceituoso e cruel, além de se solidarizar com o cantor, familiares, fãs e nordestinos.
Em nome do forró, da nossa música, da nossa cultura, do povo pernambucano e nordestino, a ASTUR/PE solicita retratação do Murilo Couto, bem como da emissora no qual o mesmo trabalha, o Sistema Brasileiro de Televisão – SBT.

Olinda – PE, em 26 de abril de 2020

Edygar Santos
Presidente em exercício